quarta-feira, 30 de setembro de 2009

O futuro de Lisboa

Agora que as eleições legislativas ocorreram e os eleitores portugueses deram a vitória ao partido socialista que no governo decidiu a construção do novo aeroporto de Lisboa em Alcochete e o abandono da Portela, a construção da terceira travessia do Tejo com modo rodoviário e a ampliação do terminal de contentores de Alcântara, os lisboetas sabem que com o partido socialista no poder será este o futuro da cidade.

Queremos perder o aeroporto de Lisboa como factor de vantagem competitiva turistica e económica para a cidade e com importância estratégica para a autonomia e operacionalidade de Lisboa em caso de catástrofe?

Queremos promover a entrada de cerca de 40.000 automóveis por dia na cidade em vias já hoje congestionadas como a 2ª circular?

Queremos uma cidade separada do rio por barreiras de contentores e com camiões a poluirem a cidade minuto a minuto?

O que está em causa nas próximas eleições autárquicas em Lisboa é o futuro da cidade, da qualidade de vida dos lisboetas e da sua sobrevivência económica. Está nas mãos dos lisboetas salvar a cidade dos atentados que o Governo se prepara para cometer.


texto publicado no blog "Campo de Santana"

terça-feira, 29 de setembro de 2009

M 80


Your latest trick, Dire Straits, 1986

Portugueses não confiaram no PSD

O PSD perdeu. As razões são muito mais fundadas em atitudes próprias do que em factores externos. Cavaco Silva contribuiu? Talvez. Provavelmente. Mas os principais motivos decorrem das opções livremente tomadas pela líder do partido e pela sua equipa.

As opções tomadas na elaboração das listas de deputados, a organização e estilo da campanha, os temas realçados, foram factores determinantes para o péssimo resultado eleitoral obtido.

sábado, 26 de setembro de 2009

Em relfexão...

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Ganhar

Um partido só tem sucesso quando todos os seus militantes entendem que a vitória do seu partido é também a vitória de cada um. A união em torno deste objectivo constroi-se com inclusão e participação.

Tempestade de areia em Sydney


quarta-feira, 23 de setembro de 2009

O que preocupa os portugueses

Desemprego, problemas sociais, endividamento crecente do país, condicionamento das gerações futuras com compromissos actuais. Estas são, a meu ver, algumas das principais preocupações dos portugueses.

Como mudar de rumo? Que soluções para o futuro do país? Que propostas para resolver os problemas? Estas são as perguntas para as quais os portugueses necessitam de respostas.

Outras poderão ser também as preocupações, outras perguntas e respectivas respostas talvez sejam interessantes, mas aquelas parecem-me as decisivas.

Os portugueses carecem de esperança, de confiança e de verdade. Mas também de respostas!

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Outono


Outono, José Malhoa, 1919
Este ano o Equinócio ocorre no dia 22 de Setembro às 22h19m. Este instante marca o início do Outono no Hemisfério Norte. Esta estação prolonga-se por 89,79 dias até ao próximo Solstício que ocorre no dia 21 de Dezembro às 17h47m.


"Vai-te ao longo da costa discorrendo,e outra terra acharás de mais verdade,lá quase junto donde o Sol ardendo iguala o dia e noite em quantidade."Lus.,II,63.


Equinócio: instante em que o Sol, no seu movimento anual aparente, corta o equador celeste. A palavra de origem latina significa "noite igual ao dia", pois nestas datas dia e noite têm igual duração.


segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Social Democrata

Chegada a última semana de campanha, a julgar pelas sondagens está tudo em aberto. Resultados para PS e PSD muito próximos, bastantes indecisos, assim mesmo alguma vantagem e tendência de vitória para o PS. Por um lado, o Bloco de Esquerda a crescer e a colocar a vitória do PS em causa. Nestas circunstâncias José Sócrates procura evitar o aumento do BE e a prova disso é a chamada de Manuel Alegre. Por outro lado, o CDS torna mais explicita a intenção de "roubar" eleitores ao PSD.

Temos assim o PSD a ser ameaçado à sua direita e o PS a ser atacado à esquerda. Ambos os partidos têm duas alternativas: ou combatem as agressões nos extremos opostos ou apostam no crescimento ao centro. No entanto tratam-se de duas situações distintas. O Bloco terá de ter em conta que o crecimento à sua direita pode prejudicar a sua esquerda por via do PCP. O CDS nada tem a perder, só a ganhar.

É para mim evidente que o PSD não deve apostar tudo no combate ao CDS mas antes apostar no crescimento ao centro. Por duas razões: é esse o seu espaço natural e é esse o seu campo de crescimento eleitoral. Sempre assim foi. Um partido Social Democrata.

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

M 80


Elton John - Rocket Man, 1972

Política de Verdade

Ontem fui dar o meu contributo para a campanha de rua do PSD. Uma acção que começou no Saldanha e terminou em Entrecampos e que contou com a presença de alguns (poucos) candidatos a deputados pelo círculo eleitoral de Lisboa.

Abordar as pessoas, entregar as nossas propostas, ouvir, procurar esclarecer, defender os nossos pontos de vista. A política devia ser assim. Era uma política mais genuína, mais verdadeira.

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Lisboa eléctrica






foto de Raquel Freitas retirada daqui com a devida vénia ao Filipe Freitas

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

O Céu visto pelo Hubble











O Céu


September 9, 2009: NASA's Hubble Space Telescope is back in business, ready to uncover new worlds, peer ever deeper into space, and even map the invisible backbone of the universe. The first snapshots from the refurbished Hubble showcase the 19-year-old telescope's new vision.